Nós, enquanto profissionais da saúde, temos que exercer a oratória diariamente com pacientes, gestores e principalmente ao falar sobre as temidas glosas hospitalares. Por isso, hoje vamos mostrar 4 pontos para ser mais convincente durante sua negociação.

Quando pensamos em oratória, nos referimos à capacidade de nos expressarmos de um modo mais assertivo e eficaz na hora de transmitir nossas ideias, desejos e insatisfações. 

Através de uma boa oratória é possível defender nosso ponto de vista, seja em uma negociação, debate ou palestra. Veja abaixo como tornar sua oratória mais convincente frente à situações de negociações de glosas na auditoria de contas hospitalares. 

Como usar a oratória e a persuasão na auditoria para negociar melhor?

Um dos aspectos mais importantes durante a comunicação é o poder de persuasão. 

Muitas pessoas confundem persuasão com manipulação mas esses são conceitos bem diferentes. Confira a seguir a diferença entre a persuasão e a manipulação. 

Persuadir, de acordo com o dicionário, é a “ação de fazer com que alguém acredite ou passe a acreditar em alguma coisa”.

Diferente de persuadir, manipular é falsificar a realidade em busca de induzir que uma pessoa pense de certa forma. É a manipulação das informações.  

Dessa forma, persuadir não é o mesmo que obrigar os outros a terem as mesmas opiniões ou falsificar a realidade, mas, sim, expressar e defender nossas opiniões através de uma boa comunicação. 

Usando a persuasão ficará muito mais fácil ser mais convincente durante momento de negociações de glosas uma vez que você mostra argumentos contundentes. 

1. Saiba controlar suas emoções

Estar em uma situação de glosas hospitalares com gestores ou outros profissionais de saúde pode despertar uma série de emoções. O ponto é que às vezes essas emoções são boas e, às vezes, nem tanto. 

É muito comum aparecer sentimentos de medo, angústia, nervosismo e insegurança durante as negociações e isso pode impactar seriamente no resultado final. 

Assim, para controlar suas emoções, lembre-se de: 

  • Respirar ao falar;
  • Fazer pausas para que o receptor pense sobre seu argumento;
  • Ter uma escuta ativa;
  • Focar sempre no que está ouvindo para ter embasamento de resposta.

Mas não se intimide! Com o tempo e muita prática aprendemos a direcionar essas emoções para uma boa reunião e debate. 

2. Utilize a criatividade

Além da técnica de persuasão, a criatividade pode ser usada a seu favor durante as negociações. Por isso, seja atento às oportunidades e tenha um elemento surpresa durante a comunicação. 

Ser criativo é indispensável para uma oratória persuasiva. 

Por exemplo, ao iniciar uma conversa referente a uma divergência de prontuário, peça primeiro o posicionamento do hospital, para que quando der seu parecer você já tenha os três pilares principais: O contrato, a diretriz da operadora e a justificativa do hospital. 

3. Transmita segurança

Para que alguém seja convencido sobre determinado argumento, esse alguém deve transmitir a sensação de verdade. 

Essa sensação de verdade só é possível se você consegue transmitir segurança sobre o que está dizendo. Caso contrário, será praticamente impossível persuadir os outros.

Como enfermeira, sei que este é um dos principais desafios da auditoria em enfermagem. Porém, com a prática e com embasamento teórico, é possível desenvolver também esta habilidade. 

4. Crie a sensação de união

Esse é um passo muito importante quando o assunto é saúde baseada em valor.

Em situações de glosas hospitalares pode-se haver certa resistência da equipe. Assim, mostre que está ali para ajudar e sempre deixe claro que irá aplicar o que é justo e certo. 

Outra dica é sempre utilizar o pronome “nós”. Se analisamos os discursos mais persuasivos da história, não é difícil perceber que os bons comunicadores usam este pronome para assim gerar união dos dois lados. 

A sensação de pertencimento faz com as pessoas envolvidas se abram a novas ideias e com maior facilidade. 

Como melhorar sua oratória na prática

Hoje vimos alguns pontos para melhorar sua oratória aplicada à auditoria. Mas o que talvez você não saiba é que existem diversos cursos para treinar a oratória e melhorar a comunicação.

Nele é possível aprender todas as técnicas que podem ser aplicadas para potencializar seu processo de auditoria e se tornar mais seguro e convincente durante negociações.

Gostou do conteúdo? Não esqueça de se inscrever na nossa newsletter para receber semanalmente conteúdos estratégicos em saúde.

Sobre o Carefy

O Carefy é uma plataforma para gestão e monitoramento de internações focado em todo o processo de auditoria em saúde. Nele inclui os módulos de auditoria concorrente, auditoria de contas hospitalares, prorrogações e home care para uma gestão centralizada e eficiente. Para saber mais clique aqui.