e-book indicadores de internação

Um desafio que muitos profissionais da área de auditoria em saúde enfrentam é convencer a alta gestão da instituição da necessidade de implementar uma tecnologia de ponta na operação.

Se é esse seu caso, preparamos um conteúdo exclusivo para que você tenha ótimos argumentos para convencer seu chefe a revolucionar a auditoria em saúde. Continue a leitura!

Ao lidar com a rotina, seja como auditor ou gestor em saúde, você percebe alguns desafios que impactam os resultados da sua instituição de saúde?

Desafios esses que podem impactar diretamente o custo e atendimento prestado ao paciente:

Confira os principais desafios:

  • Falta de processos na auditoria;
  • Falhas de padronização dos dados;
  • Ausência de monitoramento e entendimento da eficiência da equipe;
  • Falta de dados relacionados à internação;
  • Inconsistências nas informações e retrabalhos;
  • Atraso na comunicação;
  • Falta de segurança que gera perda de dados sensíveis e vazamento de informações;
  • Falta de indicadores para a tomada de decisão em diversas áreas, gerando dificuldade na análise de dados.

Ao enfrentar essas situações, você busca soluções para resolver essas demandas?

Se você respondeu ‘’sim’’, a tecnologia na auditoria em saúde é uma opção eficaz para identificar falhas, monitorar a operação, otimizar processos e aumentar os resultados como um todo.

Várias instituições de saúde já utilizam software de gestão de internação e auditoria para aumentar a eficiência da equipe, diminuir os custos da operação, entender o que de fato acontece na auditoria em saúde e ainda diminuir a média de permanência.

Além de gerar resultados benéficos para a instituição demonstrar para o seu superior que você está buscando melhorar a empresa, e crescer com ela, te permite destacar e conquistar o próximo nível da sua carreira profissional.

Descubra quais são os principais argumentos que você pode usar para convencer a alta gestão: 

1. Comece pelo porquê

Mais importante do que o que você fala, é como você fala.

Para convencer a alta gestão a contratar um sistema de auditoria em saúde, demonstra por que deveriam implementar essa solução na operação.

E o motivo, ao contrário do que pensam, não está relacionado às características técnicas da solução como o tipo de tecnologia que ela usa ou quais os módulos possui.

Estudos mostram que começar pelo porque aumenta a chance de levar uma pessoa a tomar determinada ação ou decisão.

Na auditoria em saúde não é diferente. Ela apresenta os principais benefícios que a tecnologia pode gerar para a operação. 

Mas, não adianta apenas apresentar todos os benefícios.

Siga o passo 2 para desvendar o que mais é necessário para convencer a alta gestão: 

2. Faça uma anamnese da sua operação em auditoria em saúde junto com a alta gestão

Muito conhecida na medicina, anamnese é uma entrevista  feita com o intuito  de realizar o diagnóstico de uma doença.

A segunda etapa do convencimento da alta gestão se assemelha com esse processo.

É fundamental entender quais são as principais ‘’dores’’ e as ‘’doenças’’ relacionadas a auditoria em saúde da sua instituição.

Para que a partir disso você apresente a solução que resolva essas demandas.

Busque entender o que é importante para a alta gestão, quais desafios ela enfrenta por meio de perguntas.

Por exemplo:

Com base nos principais desafios que operadoras de plano de saúde costumam enfrentar, elencamos os principais benefícios que você pode argumentar.

3. Argumente de forma assertiva e estratégica

3.1 Diminuição de custos

Um ponto importante quando se trata da gestão de uma instituição consiste em mantê-la competitiva no mercado.

Trazer para a operação soluções que diminuam o custo e aumentem os resultados é algo atrativo para a alta gestão de operadoras de planos de saúde.

Pensando nisso, demonstre com números o quanto a solução para a auditoria em saúde diminui gastos desnecessários.

E se possível, indique qual o retorno sobre o investimento que é possível obter ao implementar a tecnologia para auditoria em saúde.

O Carefy, por exemplo, diminui em até 13% os custos de operadoras de plano de saúde e permite conquistar o ROI (Retorno Sobre o Investimento) de 100 em 6 meses de uso da plataforma.

Isso é possível porque algumas operadoras de plano de saúde costumam ter gastos na casa dos milhões todos os meses.

Essa porcentagem pode representar uma economia de até 3 milhões de reais mensais.

Ou seja, é possível conquistar o retorno sobre o investimento já no primeiro mês de uso.

3.2 Diminuição da média de permanência

Outro ponto de atenção que a alta gestão costuma ficar alerta é em relação a média de permanência.Apresentar soluções que diminuam a média de permanência é válido na hora de convencer o seu superior.

O Carefy por exemplo, aumenta a qualidade do cuidado prestado ao paciente, diminuindo:

  • a ocorrência de eventos adversos
  • média de permanência na instituição em 40%
  • e a média de permanência de pacientes de longa em 34%.

Além disso, o Carefy evita usar uma parte no sistema e uma parte em planilhas, todas as informações referentes ao processo de auditoria são inseridas no sistema para aumentar a agilidade dos times e permitir o acesso em tempo real à condição clínica do paciente e as suas contas.

3.3 Melhora na assistência ao paciente internado

A tecnologia é um grande aliado na melhoria da condição clínica do internado, pois soluciona os principais desafios e demandas do setor da saúde, proporcionando cuidado de qualidade para o paciente, diminuição de custos para as instituições e o acesso à saúde para mais pessoas.

Um bom exemplo de tecnologia que melhora a experiência do paciente é a telemedicina. Esse é um argumento válido para mostrar o quanto essa tecnologia impacta positivamente as instituições de saúde e como tecnologias semelhantes também  podem agregar valor.

3.4 Controle sobre a operação

Outra desafio enfrentado na gestão em auditoria em saúde está relacionado a:

  • Dificuldade de medir alguns aspectos da operação.
  • Dificuldade em entender e mostrar o ROI da sua atuação.
  • Dependência de várias áreas – que não estão dentro da sua alçada. Burocratização dos processos – demora para fazer mudanças necessárias, depende de outras pessoas aprovarem suas decisões.
  • Ser de uma área que é regulada por um órgão maior e que realiza mudanças constantes.
  • Falta de informações necessárias para análise da operação, além de ter pouca segurança sobre os dados que já tem acesso.

Por isso, argumentar apresentando uma solução que proporcione o monitoramento, análise e controle sobre tudo que acontece na auditoria em saúde, é uma boa abordagem para convencer a alta gestão.

O Carefy, por exemplo, permite quantificar os resultados da operação, mostrar para o seu gestor o ROI de mais de 100x, analisar mais de 60 indicadores que proporcionam a tomada de decisão de forma estratégica para identificar e reduzir gargalos na operação.

Tem algum outro argumento que você utilizou para convencer a alta gestão? Deixe nos comentários! Confira os 10 motivos para adotar o software da Carefy para sua operação e contar para sua alta gestão.

Banner Material Módulos da Carefy – 2