banner ebook auditoria em saúde

Existem muitas guias e tabelas que são utilizadas no processo de auditoria em saúde. Um desses documentos é o Guia de internação.

Hoje vamos relembrar porque é fundamental o preenchimento do guia e como ele implica nos custos das operadoras de saúde. Confira!

O que é guia de internação

O guia de internação é um formulário utilizado para registar o histórico e demais informações relevantes sobre o quadro clínico do paciente, além de informações pertinentes a autorizações. 

Para ser preenchido, o guia segue o padrão TISS.

O padrão TISS garante a uniformidade das ações administrativas, oferece acompanhamento das atividades do financeiro e assistenciais das operadoras e até mesmo a avaliação da mesma.

O maior objetivo do guia de internação é possibilitar a troca de informações entre instituições de saúde.

Importância do preenchimento correto Guia de Internação

O guia de internação é importante para que o profissional tenha ciência sobre a situação do paciente como um todo, levando em conta aspectos fisiológicos, patológicos, clínicos, tratamentos direcionados, medicamentos administrados, ações autorizadas, entre outras informações.

Além disso, o guia também identifica o beneficiário com informações como nome e número de registro da carteira.

Com base nesses dados, é possível direcionar melhores ações que condizem com o quadro apresentado pelo paciente. 

Como por exemplo, ao avaliar o guia de internação do paciente pode ser liberada a autorização de alta para um paciente com uma melhora do quadro clínico.

Ainda, ao avaliar o guia de internação de outro paciente e entender que o mesmo necessita de uma prorrogação, pode ser realizada a liberação da autorização para essa ação.

Além da liberação de autorizações, o cuidado a ser direcionado depende dos registros da guia.

Um ponto de atenção importante são os CID’S, que consistem na Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados com a Saúde, que impactam diretamente no direcionamento do paciente.

Tudo isso permite proporcionar um cuidado de qualidade pertinente à saúde do mesmo. Ou seja, quanto mais completo estiver o guia de internação, mais assertivo é o cuidado prestado ao paciente.

Custos desnecessários para a operadora de saúde

Não registrar informações impacta no aumento dos custos relacionados a internações nas operadoras de saúde, pois implica no direcionamento de recursos sem a necessidade, como procedimentos, medicamentos, entre outros.

e-book auditoria concorrente

Isso dificulta para a instituição se manter competitiva no mercado e colabora para o aumento da inflação médica.

O preenchimento incorreto das guias de internação também podem provocar o direcionamento do paciente para um tratamento que não é pertinente às suas necessidades, gerando desperdícios.

Além disso, na relação da operadora com hospitais, quanto mais informações, mais embasada fica a glosa que a operadora de plano de saúde gera. E, mais ela consegue reduzir custos desnecessários.

Por fim, o não registro do guia de internação pode ocasionar a instituição negar procedimentos que são essenciais para o cuidado do paciente

Isso afeta o tratamento prestado e pode ocasionar o aumento da média de permanência da instituição e impacta diretamente nos custos da instituição de saúde.

Como seria o direcionamento de tratamento sem a existência do guia de internação?

A inexistência do guia de internação afeta de forma irreversível o quadro do paciente. Você sabe por quê?

Quando não é dada a devida atenção aos tratamentos, medicamentos e procedimentos que já foram liberados para o paciente, podem ocorrer inconsistências nas informações, que prejudicam o entendimento da saúde do paciente.

Sem entender de forma assertiva todos os pontos direcionados ao internado, ações podem ser aplicadas de forma ineficiente.

Além de ter o potencial de prejudicar de forma grave a saúde do beneficiário, a falta de entendimento sobre a internação pode afetar a saúde financeira da instituição e prejudicar a gestão em saúde. Descubra como abaixo!

Conclusão

Assim, é de extrema importância o registro de informações no guia de informações para a compreensão do estado clínico do internado e a prestação de um tratamento direcionado e eficaz.

Gostou do conteúdo e quer se manter conectado às novidades em auditoria em saúde e soluções tecnológicas para essa área? Então inscreva-se e acompanhe nossa newsletter. 

indicadores de auditoria em saúde