banner ebook auditoria em saúde

O setor da saúde é um mercado competitivo e complexo na qual as etapas do planejamento em saúde são essenciais para mitigar os efeitos das diversas variáveis que devem ser levadas em consideração no setor, como a inflação médica, até o cuidado prestado ao paciente. 

Para se manterem com excelência, muitas instituições de saúde definem objetivos estratégicos para a operação.

Seja elas em relação a:

  • Diminuição de custo;
  • Aumento da qualidade do serviço;
  • Otimização do processo;
  • Ou outro objetivo de grande importância para a operação

A sua instituição de saúde possui metas estratégicas?

Para atingi-las  é necessário um bom domínio das etapas de planejamento em saúde, para garantir que os resultados das metas traçadas sejam satisfatórios e que mantenham a operação equilibrada.

Para isso preparamos um artigo exclusivo para te ajudar a se planejar de forma estratégica, abordando as principais etapas do planejamento em saúde.

O que são etapas do planejamento em saúde?

‘’Planejar é uma forma de intervir sobre a realidade de maneira contínua. É um processo que expressa um modelo de gestão, incorpora instrumentos e metodologias que influenciam a tomada de decisão nos processos de trabalho e orienta a programação de ações. ‘’  Planejamento em Saúde – FioCruz

Qual a importância das etapas do planejamento em saúde?

Dada a complexidade do setor e da série de riscos inerentes ao processo de gestão em saúde, é importante que as ações a serem direcionadas sejam bem pensadas e planejadas, de acordo com as etapas do planejamento em saúde.

Para evitar ocorrências indesejadas como:

e-book auditoria concorrente
  • Eventos Adversos;
  • Custos desnecessários;
  • Falhas;
  • Perda e Vazamento de dados;

E assim, manter a sua instituição a prova de perigos que podem comprometer

  • A experiência do paciente;
  • A imagem da sua marca;
  • A sustentabilidade econômica financeira do negócio;

Quais as etapas do planejamento em saúde?

1- Anamnese da Operação

A primeira etapa do planejamento em saúde consiste em analisar quais são os principais pontos de atenção e problemas que a área de auditoria em saúde pode estar suscetível.

Segundo Gillings & Douglass essa etapa pode ser dividida em três passos: 

  • Reconhecer a existência do problema;
  • Coletar informações a respeito;
  • Definir a natureza do problema. 

Ou seja, a partir do problema identificado, é possível coletar informações internas da sua operação em saúde ou de fontes externas do setor.

Desse modo é possível entender de forma mais assertiva o que está acontecendo.

Liste os principais problemas.

2- A hora do plano de ação

Com os principais desafios definidos, é hora de definir os objetivos que se pretende conquistar, e quais os problemas que são prioridades serem solucionados na operação;

É nessa etapa que o plano de ação é desenvolvido, o qual contempla quais serão as ações a serem tomadas, quais tecnologias serão utilizadas no planejamento  e em que momento cada coisa será executada.

3- Análise da viabilidade 

Definidos os objetivos, principais desafios a serem priorizados, é hora de analisar a viabilidade do plano nas suas várias dimensões, a partir das perguntas a seguir:

  • Essas ações são viáveis do viés econômico na sua operação?
  • Essas ações são viáveis em termos de equipe?
  • Essas ações são viáveis em termos legais e de compliance?

4-  Hora de implementar ações 

A etapa final do planejamento em saúde consiste em colocar em prática as ações, ou seja, executar o que é prioritário e viável para atingir os objetivos da instituição de saúde.

Essa etapa também engloba o monitoramento e a avaliação. Este é um processo contínuo e que deve reavaliar as ações com frequência.

Você realiza o planejamento estratégico contemplando essas etapas na sua instituição de saúde? Comente abaixo.

indicadores de auditoria em saúde