e-book indicadores de internação

A auditoria de contas de hospitalares pode ser uma tarefa desafiadora para diversos auditores e gestores em saúde. 

Com a utilização dos corretos indicadores de auditoria de contas hospitalares este processo pode ser otimizado.

Continue a leitura e confira 6 indicadores essenciais para a sua auditoria de contas hospitalares.

Indicadores de auditoria de contas hospitalares: qual a importância?

William Edwards Deming, professor norte-americano, é responsável pela famosa frase:

O que não pode ser medido, não pode ser gerenciado.

Apesar de não ser auditor, a frase dita pelo professor se encaixa perfeitamente no processo de auditoria que conhecemos.

Isso porque, quando não medimos corretamente a operação, não podemos gerenciá-la de verdade.

Mas como medir uma operação? 

A resposta é simples: por meio dos indicadores!

É a partir dos indicadores que o planejamento de ações pode ser feito e as metas da instituição podem ser alcançadas. 

Isso acontece porque se embasar em dados reais da própria operação é a maneira mais eficaz de melhorar todos os processos.

Ou seja, sem indicadores torna-se mais difícil analisar os dados da instituição, seja ela uma operadora de saúde ou um hospital.

Por fim, é importante ressaltar que para uma gestão em saúde eficiente, os indicadores são essenciais e indispensáveis, dada toda a importância que eles representam.

Por que devo me atentar com esses indicadores?

Se o seu objetivo enquanto auditor ou gestor em saúde é possuir um trabalho mais eficiente e qualificado, os indicadores de auditoria de contas hospitalares devem ser seu aliado.

Atentando-se aos indicadores é possível ter uma tomada de decisão mais rápida e assertiva, trazendo inúmeros benefícios aos pacientes e fazendo com que você, gestor ou auditor em saúde, entregue mais resultados e alavanque a sua carreira.

Ainda, com o uso correto dos indicadores, é possível reduzir os custos desnecessários das instituições que, muitas vezes, representam grande parte do orçamento e prejudicam a sustentabilidade e competitividade da instituição.

Por fim, a média de permanência da instituição e o índice de sinistralidade também são reduzidos quando os indicadores de auditoria de contas hospitalares são utilizados de forma adequada.

6 indicadores de auditoria de contas hospitalares

Confira abaixo 6 essenciais indicadores de auditoria de contas hospitalares para sua operação.

Por meio deles será possível embasar suas decisões e tornar a sua instituição mais eficiente. Continue a leitura!

1. Média de permanência

A média de permanência impacta diretamente na auditoria de contas hospitalares, portanto é um indicador que deve ser acompanhado.

Não metrificar esse indicador prejudica não só a eficiência da instituição, mas também limita que os gestores realizem alterações necessárias que visam otimizar a auditoria.

Logo, este indicador deve ser acompanhado de forma contínua.

2. Previsão do custo total

A previsão do custo total das internações hospitalares também deve ser monitorada, dada a importância deste indicador.

De forma geral, este é um indicador responsável por disponibilizar os recursos necessários para as operações e, por isso, deve ser avaliado de forma constante, dia após dia.

3. Valor glosado por categoria

As glosas hospitalares são realizadas com frequência no processo de auditoria de contas hospitalares.

Glosa corresponde ao não pagamento, por parte das operadoras de saúde, dos procedimentos médicos cobrados, seja por motivos administrativos e/ou técnicos.

Neste sentido, para uma auditoria de contas hospitalares íntegra, analisar e acompanhar o indicador que mostra qual valor glosado por categoria é muito importante.

Este indicador é responsável por demonstrar aos gestores qual a recorrência da categoria de glosas e o valor empregado. Assim, é mais um indicador necessário.

4. Número de eventos adversos por credenciado

Os eventos adversos são um temor para todos os auditores e gestores em saúde. 

Dessa forma, é fundamental acompanhar o indicador que metrifica qual o número de eventos adversos por credenciado.

A partir da análise deste indicador, é possível direcionar esforços para reduzir o número de eventos adversos de cada credenciado.

5. Internações e diárias por acomodação

Para a auditoria de contas hospitalares, é fundamental saber quais os tipos de internações e quantas diárias são feitas por cada acomodação da instituição, visto que ambas as frentes impactam diretamente no valor das contas hospitalares.

Neste sentido, o indicador de internações e diárias por acomodação também deve ser acompanhado de forma contínua. 

6. Altas por tipo

As altas também impactam diretamente na auditoria de contas hospitalares, mais precisamente qual tipo de alta.

Nesse sentido, analisar o indicador de altas por tipo é essencial e faz parte de toda gestão em saúde eficiente.

Indicadores de auditoria de contas hospitalares no Carefy

No software Carefy, existem mais de 60 tipos de indicadores que disponibilizamos aos gestores que buscam uma auditoria de contas hospitalares mais assertiva.

Quanto mais informações para serem analisadas, mais fácil é a gestão em saúde e mais rápida é a tomada de decisão, né?

Com os indicadores Carefy, a média de permanência é reduzida em até 40%, graças à análise correta e ampla de toda a operação.

Ainda, a eficiência da equipe é otimizada em até 137% e os custos reduzidos em 13%, garantindo uma grande economia às operadoras de saúde.

Por fim, além de todas as funcionalidades, com o Carefy, é possível conquistar um Retorno sobre o Investimento (ROI) de até 100x em apenas 6 meses de uso.

Quer conhecer mais sobre como os indicadores de auditoria de contas hospitalares da Carefy podem agregar valor ao seu trabalho? Fale com nosso time de especialistas!

Banner Material Módulos da Carefy – 2